terça-feira, 5 de dezembro de 2023

QUEDA DE BRAÇO Minas tinha dinheiro para quitar seis folhas salariais de uma só vez em agosto


 Em meio às tratativas para aderir ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF), o governo de Minas tinha dinheiro suficiente para quitar cerca de seis folhas de pagamento dos servidores de maneira imediata, sem considerar receitas e despesas futuras, no mês de agosto. Em média, a gestão estadual gastou R$ 3,7 bilhões por mês com o funcionalismo desde setembro de 2022, conforme um Relatório de Gestão Fiscal obtido pela reportagem. Portanto, os R$ 23,7 bilhões que estavam em caixa em agosto, conforme antecipado por O TEMPO, pagavam, sem contar o fluxo de caixa futuro, um semestre desse custo com os servidores, historicamente um dos principais de todo Poder Executivo. Os dados fazem parte de documentos obtidos por deputados estaduais junto ao Tribunal de Contas, que foram divulgados pela Frente em Defesa do Serviço Público. O recurso, na visão da Frente em Defesa do Serviço Público, não invalida a discussão sobre a necessidade de pagamento da dívida de R$ 160 bilhões que Minas tem com a União. Mas, enfraquece o argumento usado pela gestão de Romeu Zema (Novo), que vincula a não adesão ao RRF a um possível colapso das contas públicas, forçando o retorno do parcelamento dos salários do funcionalismo. 

No mês passado, o próprio vice-governador de Minas Gerais, Mateus Simões (Novo), afirmou a O TEMPO que, sem a adesão ao RRF, as consequências para o servidor público seriam “automáticas”. Segundo ele, findo o prazo de 20 de dezembro para ingresso no regime, há previsão de colapso, uma vez que o governo federal passaria a reter repasses para abater valores da dívida com a União. “E aí eu vou começar a atrasar o salário a partir de fevereiro”, disse


https://www.otempo.com.br/mobile/politica/minas-tinha-dinheiro-para-quitar-seis-folhas-salariais-de-uma-so-vez-em-agosto-1.3288237

VIBRADORES

 Entre em contato com o Deputado Sargento Rodrigues Denuncie os vibradores, use o e-mail oficial: dep.sargento.rodrigues@almg.gov.br