terça-feira, 5 de setembro de 2023

 


Um capitão da reserva da Polícia Militar (PM) atirou contra o próprio filho na madrugada desta sexta-feira (1º), alegando que o lugar em que ele estava era para pessoas de "má índole". O caso foi registrado no Bairro Fabrício, em Uberaba.Durante patrulhamento, os policiais observaram inúmeras pessoas e veículos fugindo da região após ouvirem barulhos de tiro.


O filho contou que estava em uma conveniência com um casal de amigos quando o pai chegou e perguntou o que ele estaria fazendo naquele local, exigindo que ele fosse embora. O rapaz, de 23 anos, disse que não iria, momento em que o pai sacou uma pistola e deu dois tiros próximo ao seu pé.

Diante da situação, a amiga do filho tentou parar o militar, que a puxou pela nuca e também atirou em direção ao pé dela. Ao perceber que o filho não sairia dali, o capitão afirmou que “de um jeito ou de outro ele iria embora”, foi até o centro da praça onde fica a conveniência e atirou várias vezes para cima, assustando as pessoas que estavam no local.

Testemunhas contaram aos policiais que o carro do autor ainda estava na região, fazendo com que os militares fossem atrás dele. Durante a abordagem, o militar, o filho e a amiga saíram do veículo, com o homem já afirmando ser capitão da reserva e que teria sido vítima das pessoas que estavam na conveniência.

Nesse momento, várias pessoas que viram a situação e estavam no local iniciaram uma discussão acusando o militar do acontecido.

Aproveitando que os policiais tentavam conter os indivíduos, o capitão da reserva voltou para seu veículo e fugiu do local. Ao perceberem a situação, a PM tentou seguir o autor, mas o perderam de vista. Até o momento ele não foi localizado.

Secretaria-Geral da Mesa Ofício 1414 2024 SGM ao Governador do Estado, encaminhando a Proposição de Lei 25820 2024 para sanção. Data do envio: 6/6/2024. Data máxima para sanção: 27/6/2024. Proposição de Lei publicada no DL em 7/6/2024, pág 48.

  Secretaria-Geral da Mesa Ofício 1414 2024 SGM ao Governador do Estado, encaminhando a Proposição de Lei 25820 2024 para sanção. Data do en...