quinta-feira, 21 de setembro de 2023

Diretor adjunto de presídio em Ibirité é indiciado por assediar sete funcionárias Homem importunava com abraços e beijos impróprios, causando danos emocionais

 

AFASTADO

Diretor adjunto de presídio em Ibirité é indiciado por assediar sete funcionárias

Homem importunava com abraços e beijos impróprios, causando danos emocionais

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
21/09/2023 às 20:16.
Atualizado em 21/09/2023 às 20:37
 (Prefeitura de Ibirité / Reprodução)

(Prefeitura de Ibirité / Reprodução)

Após receber uma denuncia de assédio sexual, importunação sexual, perseguição e violência psicológica, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) indiciou o diretor adjunto de uma unidade prisional em inquérito concluído nesta quinta-feira (21).

De acordo com o órgão, sete mulheres compareceram à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), em Ibirité, região metropolitana de Belo Horizonte, para denunciar o diretor.

Segundo as vítimas, o homem as assediava sexualmente e utilizava do cargo para constrangê-las, além de importuná-las com abraços e beijos impróprios. Ele as perseguia com menosprezo à condição de mulher, causando danos emocionais.

As vítimas também informaram que tudo isso ocorria com o conhecimento do diretor-geral do presídio, que não teria feito nada para evitar o assédio. Com isso, o diretor-geral também foi indiciado por omissão.

Ambos foram afastados cautelarmente dos cargos de direção e impedidos de manter contato com as vítimas por qualquer meio. Será instaurado um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) pela corregedoria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), no qual os servidores terão direito à ampla defesa e ao contraditório.

Rebelião em Penitenciária de Teófilo Otoni Resulta em Fugas e Clima de Tensão

 🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨 👮🏻 ```Grupo Cabo Nathan Rodrigues Informa:```  *PÕEM NA TELA 🖥 QUE DÁ TRABALHO PRA FAZER!!!* ➖➖➖➖➖➖➖➖➖ 💻 _Acesse e e...