segunda-feira, 27 de maio de 2024

As elites não irão abrir mão voluntariamente de seus privilegios.

 As elites não irão abrir mão voluntariamente de seus privilegios. Deputados, Juizes, Promotores, Defensores Públicos entendem que suas funções tem uma relevancia tão grande para a Sociedade que lhes permite serem tratados de forma diferenciada. Por isto, quando se fala do tema regulamentacao da revisao geral, anual da remuneração dos servidores públicos, na mesma data e com o mesmo índice surge a resistência das Elites. Eles não querem abrir mão de seus privilegios que fica escancarado pelos diferentes índices de reajustes de remuneração de servidores públicos aprovados recentemente pelos Deputados Estaduais Mineiros. A realidade é inquestionavel: através da sonegacao da reposição da inflação a todos, de forma igualitaria, na mesma data, com o empobrecimento dos servidores públicos que recebem menores salários, obtem-se os recursos para pagar os privilegios das Elites do Serviço público. Então é natural a resistência dessa Elite a aprovação da PEC da Dignidade e da Igualdade. Nesse contexto,  o que mais assusta são os representantes dos bases das Forças de Seguranca Pública,  trabalhando arduamente contra um projeto que tem por objetivo a defesa da dignidade do trabalho policial e da Igualdade, assegurando a todos os servidores públicos, na mesma data, a reposição da inflação do ano anterior no ano seguinte. Sem argumentos para contrapor o mérito da proposta,  dizem que a PEC seria inconstitucional e partem para agressao contra minha pessoa,  dizendo " este cidadao está enganando voces".  Difícil,  muito difícil! Me acusam do que fazem! MENDONCA

Eu vou boic0tar