quinta-feira, 16 de maio de 2024

 


Zema implanta a desumanização da Segurança Pública, com reajuste diferenciado abaixo da inflação do índice do IPCA 4,62%, mas privilegiou o Judiciário, Tribunal de Contas e Ministério Público. 


Na escravidão pra sua ratificação houve a participação da igreja, da ciência e filosofia. 


Na época da escravidão pra ser considerado ser humano tinha que preencher 03 requisitos;


1- Ter Alma

2- Razão (o pensamento)

3- A evolução para ser humano. 


A igreja retirou a alma do negro, ficando apenas o corpo.


A filosofia retirou a Razão, o pensamento do negro, ou seja, o negro não tinha pensamento .


Veio a ciência e pregou que negro não teve uma evolução para ser humano, se perdendo na evolução do macaco para o ser humano.

A sociedade dominante defendia a escravidão. 


Essa sociedade hoje é defendida pela DIREITA, maioria na Assembleia Legislativa.


A sociedade da época reduziu o negro a coisa, algo repugnante de embrulhar o estômago, Zema na atualidade e os seus praticam a mesma opressão social da escravidão, usam uma roupa velha e vendem como NOVO!


Tudo isso ratificava a escravidão e em pleno 2024 muitos revivem essa opressão social.


Hoje, Zema repete essa opressão social quando não dá nem a reposição da inflação pelo IPCA de 4, 62% contemplando outras classes..


Pra Zema a Segurança Pública não evoluiu como uma classe social que deva ser respeitada e ter dignidade.

*O ANO QUE NÃO PODE SER ESQUECIDO: MOVIMENTO REIVINDICATÓRIO DE 1997 COMPLETA 27 ANOS*

 *O ANO QUE NÃO PODE SER ESQUECIDO: MOVIMENTO REIVINDICATÓRIO DE 1997 COMPLETA 27 ANOS* 👏Parabéns Guerreiros de 97 Há exatos 27 anos teve i...